Prefeitura tenta retomar prestígio de desfile cívico

Espectadores assistem missa no Parque das Águas (acima à esquerda); Banda Sinfônica se apresenta para autoridades (à direita); Público compareceu em massa (abaixo à esquerda) e Terceira Idade também se apresentou com a fanfarra (à direita)

As comemorações cívicas pelo aniversário de 213 anos de Resende foram uma tentativa de retomar o prestígio das comemorações, motivadas em grande parte pelo ano eleitoral. Se em 2013 o desfile foi adiado pelas chuvas e, ao ser realizado, quase não contou com a presença de autoridades, em 2014 ele durou a manhã inteira e foi observado por quase todos os vereadores. Embora a prefeitura tenha anunciado constantemente que está em dívidas, até mesmo um drone, avião não tripulado, foi usado para realizar imagens do evento.

As comemorações começaram pouco após às 8h, com uma missa campal em ação de graças pelo aniversário da cidade, no Parque das Águas. Presidida pelo padre Vanderley Oliveira, do bairro Paraíso, teve ainda a participação dos padres da Capelania da Aman, Paróquia Santa Cecília e Colégio Dom Bosco, e reuniu cerca de 500 pessoas. Além do prefeito, José Rechuan Junior (PP), de sua esposa Ana Paula Rechuan, participaram da celebração o presidente da Câmara Municipal Ubirajara Ritton (PP), os secretários de Saúde Daniel Brito, Trabalho e Renda Kiko Besouchet, e Administração Cláudio Oliveira de Araujo, o vereador José Olímpio (PCdoB), o secretário de Educação Mário Rodrigues e o ex-vereador Gláucio Julianelli.

Leia mais sobre como foi o desfile nas páginas do jornal BEIRA-RIO.

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.