População de Porto Real tem opinião dividida sobre transporte coletivo

Empresa dispõe de dois veículos para fazer o serviço em Porto Real

Nesta segunda-feira, dia 25, o transporte público voltou a ser oferecido em Porto Real. Mas o serviço, que deixou de ser prestado no município há um ano, desde que os ônibus gratuitos (os “de gracinha”) pararam de circular, vem dividindo opiniões entre a população nas redes sociais.

– Tá de brincadeira, um ônibus à R$ 2,95 e ainda dizer que é o menor preço, não dá para acreditar! Na verdade deveria ser R$ 0,50 para rodarmos dentro de Porto Real. Seria um preço mais do que justo para as tais manutenções. E ainda estão dizendo que a gestão quer enxugar os gastos. Ainda estou vendo a população se ferrando, só isso! – respondeu uma internauta, sugerindo outro valor.

Se os moradores do Centro têm criticado a cobrança da empresa de ônibus, por outro lado os moradores dos bairros Bulhões e Parque Mariana, locais onde o veículo que faz a linha para Resende não circulava, aprovaram a ideia, e ainda criticaram os moradores que reclamam da tarifa.

– Então eu vou falar como moradora de Bulhões! Nós pagamos R$ 4,35 para ir pra Resende uma cidade que nem é a nossa e eu estou agradecida a Ailton Marques (prefeito de Porto Real) por ter conseguido o ônibus pra Bulhões pois estávamos ilhados aqui de Porto Real, e melhor pagar que ficar pessoas desocupadas andando à toa nos ônibus. Quanto a quem tem o Falcão (empresa que circula no Centro) que fique andando então, pois esse ônibus é emergencial pra nós moradores de Bulhões e Parque Mariana – respondeu uma moradora da localidade.

Ainda que seja muito criticado, o valor da tarifa oferecido pela empresa contratada (R$ 2,95), a Viação Penedo, foi considerado o menor, e portanto, a mesma foi contratada temporariamente para prestar o serviço. Dois veículos fazem o trajeto entre o Posto Olá e Bulhões, passando por todos os bairros da cidade, de segunda à sexta-feira, das 5h às 23h; sábado, das 6h às 23h, e domingo das 7h às 22h. E as saídas estão programadas para acontecerem de ambos os pontos, de hora em hora nos horários de menor movimento e com intervalo de 1h20 nos horários de pico.

De acordo com a Prefeitura de Porto Real, a Viação Penedo é a responsável pela prestação do serviço, ainda que não seja uma solução definitiva. “Vamos continuar trabalhando para que Porto Real possa ter sua concessão pública e a possibilidade de reduzir o valor da tarifa”, afirmou o prefeito.

Antes de entrar em prática, a solução encontrada para retomada do transporte coletivo foi apresentada em reunião com as associações de moradores. Com o retorno do serviço, bairros como Parque Mariana e Bulhões, que não dispunham de alternativa para o deslocamento ao centro da cidade, também foram beneficiados.

Marques ainda acrescenta que não é mais possível oferecer transporte gratuito à população, mas acenou com a possibilidade do Executivo promover a redução na tarifa. “Havendo condições financeiras, o município pretende subsidiar parte da passagem, para reduzir a tarifa à metade”, conclui.

Fonte e foto: Assessoria de Comunicação (PMPR)

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.