Projeto de lei pode transformar Tablado em Patrimônio Cultural

Deputado Noel , autor do projeto, ao lado do professor Ricardo Kosovski e a diretora artística Cacá Mourthe, ambos do Tablado (Foto: Divulgação)

Está previsto para ser votado nesta quinta-feira, dia 4, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) um projeto de lei, de autoria do deputado Noel de Carvalho (PSDB), que pode transformar o Teatro O Tablado, ou apenas O Tablado, em Patrimônio Cultural e Imaterial do Estado do Rio.

Segundo a coluna do Ancelmo Gois, no jornal O Globo, a causa, pra lá de nobre, ganhou o apoio de importantes nomes que passaram pela escola de artes cênicas que opera no local, uma das mais tradicionais do Brasil — uma campanha com o peso de atrizes como Louise Cardoso e Malu Mader. “O Tablado mudou a minha vida, me trouxe a minha vocação”, chegou a afirmar Claudia Abreu.

O tombamento viria para marcar as comemorações pelos 70 anos do teatro, bem como pelo centenário de nascimento da escritora e dramaturga Maria Clara Machado, fundadora do espaço. Inicialmente um palco rudimentar, com poucas cadeiras, o endereço no Jardim Botânico formou, além das divas já citadas, nomes como Andréa Beltrão, Miguel Falabella, Enrique Diaz, Marcelo Adnet e Mateus Solano, entre muitos outros baluartes da arte nacional.

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.