Tráfego na BR-101 está parcialmente liberado em Angra dos Reis

A concessionária que administra a Rodovia Rio-Santos (BR-101) desde março liberou nesta sexta-feira, dia 8, o tráfego parcial de veículos no trecho da via, na região de Angra dos Reis, entre o km 447 e o km 464. Nesses locais, está sendo implantado o sistema “Pare e Siga”, com liberação a cada meia hora para o tráfego de veículos.

Haverá fechamentos programados de duas horas para a continuidade dos trabalhos das equipes de obra da concessionária que atuam nesses trechos e nas demais ocorrências críticas e de alta complexidade ao longo da BR-101, para em breve efetuar, a liberação total da rodovia. O local está devidamente sinalizado com cones. A retenção e a liberação dos veículos é feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O tráfego nesses e outros locais poderá ser interditado em caso de chuva ou outros fatores que comprometam segurança dos colaboradores que atuam nos locais e dos motoristas que trafegam na rodovia.

Desde sexta-feira, dia 1º, quando ocorreram os incidentes na BR-101, devido à chuva histórica que atingiu Angra dos Reis e região, as equipes da concessionária atenderam mais de 60 ocorrências críticas e de alta complexidade ao longo dos 270 km da rodovia, que estão sob sua administração, com objetivo de agilizar a liberação de forma parcial ou total e, com isso, melhorar a fluidez do tráfego na rodovia.

Desde o dia 5 (terça-feira), o Exército Brasileiro auxilia o trabalho da concessionária. Apesar da liberação parcial, a recomendação da Polícia Rodoviária Federal é que as pessoas evitem se deslocar pelos trechos atingidos, para facilitar o deslocamento das máquinas.

Em outros trechos da rodovia, o tráfego também flui no “Pare e Siga”. É o caso de Mangaratiba, no 451 km, além do tráfego também fluir por uma faixa no km 447. Em Paraty, o motorista segue com tráfego fluindo em apenas uma faixa nos km 520, km 543, km 578, km 597 e km 598. No km 592, em Patrimônio, o tráfego flui por um desvio no município para veículos de pequeno porte. Nesses locais, equipes trabalham na retirada do material (terra, rocha e árvores) que caiu sobre a pista.

O motorista que sai da cidade do Rio de Janeiro a caminho da cidade de Paraty, na divisa do estado, vai encontrar o tráfego fluindo em apenas uma das faixas nos trechos citados, além do “Pare e Siga”, entre o bairro Camorim, em Angra dos Reis e Mangaratiba. Ao passar por esses pontos, o motorista deve respeitar a sinalização e redobrar a atenção, pois outros pequenos pontos de deslizamento foram registrados e estão sendo tratados pela concessionária.

Já no trecho paulista, em Ubatuba, no Km 4 (Praia de Camburi), equipes da concessionária atuam para desobstruir parte da pista que está totalmente interditada. Por motivo de segurança, no período das 18h às 7h, o trecho permanece interditado sendo permitida somente a passagem de veículos em emergência e oficiais.

Nos km 6,4 (Praia de Camburi) e 33,5 (Praia de Itamambuca), equipes continuam empenhadas na execução dos trabalhos emergenciais de recuperação do pavimento e o tráfego flui parcialmente em apenas uma faixa com sistema de “Pare e Siga”.

OUTRAS OPÇÕES
Para o motorista que está em São Paulo, a opção para chegar a Ubatuba é utilizar a rodovia SP-125 (Oswaldo Cruz), acesso no km 110,4 da Via Dutra. Ou a rodovia dos Tamoios (SP-099) pelos acessos nos quilômetros 149 e 147 da Via Dutra. Agora, se o destino for a cidade de Paraty, o motorista pode, desde que tenha veículo utilitário e as condições a da rodovia possibilite, utilizar a estrada Real, trecho Cunha Paraty, com acesso saída no km 65 da Via Dutra (BR-116). Agora, se o destino for Angra dos Reis, a opção é a saída no km 270, sentido rodovia RJ-155 (Presidente Getúlio Vargas).

Para o motorista que sai da cidade do Rio de Janeiro, com destino a Angra dos Reis e Paraty, se estiver em viagem pela Via Dutra, pode utilizar a saída do km 205,6, sentido Arco Metropolitano ou saída no km 270, sentido rodovia RJ-155 (Presidente Getúlio Vargas). Nesses trechos o motorista também vai se deparar com os mesmos pontos de interdição, com o tráfego fluindo no sistema de Pare Siga.

DOAÇÕES PARA DESABRIGADOS
Além de trabalhar na desobstrução da BR-101, a concessionária e o instituto mantido por ela realizam uma campanha de arrecadação de mantimentos às famílias das cidades de Ubatuba/SP, e de Paraty, Mangaratiba e Angra dos Reis, na Costa Verde.

Podem ser doados alimentos não perecíveis, água e roupas em bom estado de conservação. Os pontos de coleta são as 11 bases operacionais da concessionária, na Via Dutra. Confira a localização das bases operacionais na via Dutra:

Km 230 – São Paulo (sentido SP)
Km 202 – Arujá (sentido RJ)
Km 156 – São José dos Campos (sentido SP)
Km 99 – Pindamonhangaba (sentido SP)
Km 51 – Lorena (sentido RJ)
Km 18 – Lavrinhas (sentido RJ)
Km 311 – Itatiaia (sentido SP)
Km 258 – Volta Redonda (sentido SP)
Km 227 – Piraí (sentido RJ)
Km 206 – Seropédica (sentido SP)
Km 165 – Pavuna (sentido SP)

Foto: Divulgação

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.