Com bandeira amarela, Barra Mansa terá 100% dos alunos de forma presencial

Com base no cenário epidemiológico da Covid-19 em Barra Mansa, que está na bandeira amarela, o que representa risco leve em relação à propagação da doença, o município se prepara para receber 100% dos alunos às aulas presenciais. As escolas municipais, estaduais e particulares já contarão com os estudantes a partir do próximo dia 18. A proposta foi apresentada ao governo municipal nesta terça-feira, dia 5, durante reunião do Comitê de Retorno Seguro às Aulas realizada no gabinete do prefeito Rodrigo Drable. O encontro contou com a participação da vice-prefeita Fátima Lima e do secretário de Educação, Marcus Barros.

– Barra Mansa faz parte do percentual de 1% de cidades do país que retomaram as aulas em março deste ano. Isso foi possível graças ao trabalho contínuo das Secretarias Municipais de Educação e Saúde e também do Comitê que pesquisou, analisou e trabalhou arduamente para que pudéssemos ter cada vez mais alunos em sala de aula. Protocolos foram atualizados conforme as bandeiras de risco em relação à Covid-19 iam mudando. Retomamos o ensino no formato híbrido (presencial e remoto) quando a bandeira era laranja (risco moderado) e agora estamos aptos a dar mais um passo com a bandeira amarela – destaca Marcus, também integrante do Comitê.

A Presidente do Conselho Municipal de Educação, Morgana de Fátima Campos Vieira, disse que os espaços físicos das unidades de ensino serão adequados para receber a totalidade dos alunos, que todos os protocolos de segurança sanitária deverão ser cumpridos e que, caso os pais não concordem com o retorno dos alunos às aulas presenciais, o ensino remoto será mantido até o fim deste ano.

RETORNO SEGURO
A decisão de retorno seguro às aulas presenciais está sob orientações e dados da Secretaria Municipal, Estadual e do Ministério da Saúde. “Barra Mansa realiza uma pesquisa de controle epidemiológico semanal, além da realizada a nível estadual. O trabalho desenvolvido nos permitiu alcançar a bandeira amarela. O risco de contágio é leve, mas isso não significa que a pandemia acabou. Precisamos manter as medidas de segurança sanitária, como uso de máscara e álcool em gel. Estamos empenhados para que o risco de contágio em nossa cidade se mantenha baixo até ser nulo, mas se a realidade voltar a ser a bandeira laranja, 75% dos alunos retornarão às salas de aula. O amarelo já nos permite os 100%”, destacou o secretário de Saúde, Sérgio Gomes.

Foto: Paulo Dimas/Divulgação PMBM

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.