Resende realiza Dia D de Vacinação contra a Gripe

A Prefeitura de Resende, por meio da Secretaria de Saúde, realiza neste sábado, dia 17, o Dia ‘D’ Vacinação contra a Gripe Influenza, entre 8 e 12h. A imunização acontece nos postos de saúde e policlínicas do município, para toda a população acima de seis meses de idade. A campanha de vacinação foi ampliada pelo Ministério da Saúde, no dia 5 de julho, que conta com mais de 80 milhões de doses produzidas pelo Instituto Butantan.

A campanha, dividida em três etapas, começou com os grupos de risco. São dos grupos prioritários: pessoas acima dos 60 anos; professores; crianças de seis meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto); povos indígenas; trabalhadores da saúde; pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais; com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo rodoviário; urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; membros das forças de segurança e salvamento; Forças Armadas; funcionários do sistema de privação de liberdade; e população privada de liberdade.

Em Resende, a população-alvo desta campanha está estimada em 52.646. Até agora, foram aplicadas 25.820 doses contra a Influenza. O secretário municipal de Saúde, Tande Vieira, destacou que a campanha da Influenza segue as orientações do Ministério da Saúde, lembrando que ocorre em paralelo à imunização contra a Covid-19.

— Neste sábado, para se vacinar contra a Influenza, basta comparecer ao posto mais próximo da sua residência. A campanha continua, enquanto tiver doses disponíveis, de segunda a sexta-feira, das 13h30 às 17h, em qualquer unidade de saúde. As pessoas devem levar o cartão de vacinação. Como existem duas campanhas em andamento no País, a recomendação do governo federal é dar prioridade à vacinação contra o novo coronavírus.

Ele recomenda que quem ainda não recebeu doses contra a Covid-19, deve receber antes a vacina anticovid. O intervalo mínimo entre as vacinas Influenza e Covid-19 é de 14 dias. “Neste momento, é melhor garantir primeiro a imunidade contra a Covid-19, que possui alta taxa de mortalidade, buscando minimizar os impactos da doença como internações e complicações graves. Mas as pessoas também devem se proteger contra o vírus Influenza, que é uma infecção viral aguda do sistema respiratório, de elevada transmissibilidade”, lembra.

A cobertura vacinal da campanha para os grupos estipulados anteriormente, que começou em abril, é considerada baixa em território nacional, cuja média está em cerca de 43%.

TESTES PARA OUTRAS DOENÇAS
Também neste sábado, no mesmo horário da vacinação, o município oferece testes para outras doenças como o HIV, a sífilis e as hepatites B e C, no SAE (Serviço de Atenção Especializada), que funciona no Posto do Estado, que fica na Rua João Maia, no Centro. Para fazer os testes é só levar o cartão do SUS e documento com foto. Outras informações pelo telefone (24) 3354-6752.

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.