Primeiro restaurante especializado em trutas da região

Estátua de truta coroada e com faixa virou atração turística na porta de restaurante
Estátua de truta coroada e com faixa virou atração turística na porta de restaurante

No longínquo ano de 1984, o então garçom Irineu Nogueira Coelho, que trabalhava para um hotel na localidade de Penedo, em Itatiaia, resolveu abrir seu próprio negócio. Foi então que começou com um pequeno mercado, e em 5 de maio de 1985 abriu seu restaurante. “Na época, Penedo já atraía turistas, mas as opções de restaurantes ainda eram escassas, era um de comida húngara, outro de comida baiana e um terceiro de comida popular. E então resolvi apostar em um produto que há 30 anos era relativamente novo em nosso mercado alimentício, a truta”, explica.

E foi assim que Irineu inaugurou o Rei das Trutas, tornando-se pioneiro na venda de pratos à base de truta, um peixe de origem norte-americana, mas que habita os rios de água doce das regiões de serra do Sul e Sudeste do Brasil. Os primeiros anos foram de muita luta para o empresário, até que o negócio prosperou, e hoje, mais de 30 anos depois, tem uma clientela que varia com os dias da semana e até as épocas do ano.

– De segunda a sexta, quem frequenta mais o restaurante são os funcionários das indústrias de nossa região. Nos finais de semana e especialmente nas férias, atraímos mais os turistas, e aos domingos, os moradores da região que querem muitas vezes almoçar fora de casa.

Quando abriu o restaurante, Irineu contava com um efetivo de apenas quatro funcionários. Hoje, esse número chega a 25. Ainda que o carro-chefe da empresa sejam os pratos feitos à base de truta (o prato mais vendido é o de truta com molho de amêndoas), o estabelecimento também vende outros tipos de peixe como badejo, bacalhau, salmão e carnes de boi e frango, na forma de filés e medalhões para aqueles que não são chegados a peixes.

Recentemente, o estabelecimento – que funciona dentro de uma área de estacionamento na Avenida das Mangueiras – passou por uma reforma para dar maior conforto a clientes e aos funcionários. “Não dava mais para ter um lugar tão espaçoso e colocar mesas grandes para servir, estava dando muito trabalho”, justifica.

Com o espaço reformado, restaurante mantém tradicional couvert e trutas de variados sabores
Com o espaço reformado, restaurante mantém tradicional couvert e trutas de variados sabores

A equipe do jornal BEIRA-RIO visitou o estabelecimento no final da manhã desta quarta-feira, dia 5, e teve a oportunidade de experimentar uma especialidade da casa desde sua inauguração: todos os clientes, independente do prato principal escolhido, tem a opção de pedir o couvert, na verdade vários pãezinhos acompanhados de pastas de alho e truta, além da tradicional manteiga, como entrada. Além disso, a equipe também experimentou um dos pratos à base de truta com molho de ervas finas.

A truta, quase sem espinha, tem textura macia e o molho de ervas finas não disfarça o sabor original do peixe. Diferente do que acontece com outros tipos de molho, como as alcaparras. O arroz e a batata que acompanham o prato parecem ter sido feitos por um chef especializado em macarrão italiano com a massa al dente. Já os pãezinhos (preferidos pela editora do jornal BEIRA-RIO, Ana Lúcia) de fato são saborosos, não sobrou nenhum pra contar a história.

FESTIVAL AJUDOU A ATRAIR CLIENTELA EM SETEMBRO
Com o período das férias em julho e a realização dos Jogos Olímpicos em agosto, o mês de setembro registrou queda no número de clientes em relação aos dois meses anteriores. Porém, um evento gastronômico promovido por uma emissora de TV regional fez com que essa queda fosse amenizada. “O Festival Gastronômico de Penedo ajudou a melhorar a frequência de clientes aqui no restaurante em setembro, pois a estratégia de atrai-los por curiosidade em conhecer os pratos de cada restaurante participante deu certo”, revela o gerente Irineu Magno Nogueira, que é filho do proprietário.

A terceira edição do evento gastronômico foi realizado entre os dias 10 e 30 de setembro, e reuniu 19 restaurantes, com variados tipos de pratos. O Rei das Trutas participou com a Truta Salmonada Brasileirinho, feito com uma espécie de truta que tem a mesma coloração do salmão. O prato fez tanto sucesso que foi mantido no cardápio. “Enquanto ele continuar tendo saída, vamos continuar vendendo. Durante o evento, o pessoal que vinha para cá pedia sempre o ‘prato do festival'”, conclui.

Patrocinado

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.