Coxinhas ganham novos recheios

coxinhas2Há pouco mais de três meses, um casal de Resende vem oferecendo novos recheios ao salgadinho que virou nome de militantes de direita no Brasil e que tem no frango desfiado seu complemento mais conhecido. “Era um ideia que surgiu há um ano, pois queria trazer para Resende um produto pioneiro, as coxinhas multirecheadas”, conta o proprietário da Toca das Coxinhas, Alan Cardial.

Ele, ao lado da mulher Bruna de Oliveira (os dois na foto acima), que ajuda a administrar o trabalho, abriram uma loja na Avenida Gustavo Jardim, no Centro, depois de terem começado as vendas dentro de um estabelecimento voltado a venda de lanches, no interior da Associação Educacional Dom Bosco (AEDB). “Na faculdade, a gente ainda conta com o estabelecimento parceiro para vendermos nossas coxinhas. E desde que a gente inaugurou a nossa loja do Centro, o negócio vem fazendo sucesso”.

Antes de inaugurar a loja e comercializar as coxinhas de fabricação artesanal, Alan revela que o investimento foi o resultado de meses de pesquisa, desenvolvendo e testando os diferentes tipos de massas no mercado e criando os recheios. Ainda assim, a tradicional coxinha de frango figura entre os sabores mais vendidos da loja.

– A combinação tradicional, assim como as coxinhas de frango com catupiry e a de frango com cheddar, estão entre as mais vendidas. Mas também os sabores especiais vêm saindo bastante (calabresa, presunto de parma com alho poró, camarão com catupiry e de carnes exóticas, neste último caso, um sabor diferente a cada mês) – acrescenta Alan.

A produção de trabalho da loja, além do casal, também conta com uma equipe formada por cinco pessoas envolvidas na produção das coxinhas, que utilizam como matérias-primas produtos de Resende e de outras localidades do país, como Mato Grosso do Sul, de onde veio a carne de jacaré utilizada no preparo da coxinha de filé feito da cauda do animal, vendida há dois meses.

Segundo Alan, o investimento total para se abrir o estabelecimento foi de R$ 50 mil, cinco vezes mais que o retorno obtido mensalmente. E os produtos costumam sair com valores entre R$ 3 e R$ 7.
“Procuro fazer a venda dos meus produtos a preços mais acessíveis, mesmo aqueles que dependem de ingredientes mais caros, como as carnes exóticas

ACOMPANHAMENTOS MUITOS ESPECIAIS
coxinhas3As coxinhas pioneiras de Resende também possuem acompanhamentos jamais comercializados antes na região, além dos tradicionais molho de pimenta, catchup e mostarda (amarela e escura). “A gente também trouxe para Resende uma coleção de molhos de pimenta gourmet, com variados graus de picância, produzidas por uma empresa do interior paulista”, destaca o proprietário, que vende o produto a R$ 30 (a unidade) e R$ 130 (a coleção com quatro molhos e uma caixa de madeira).

A equipe do jornal BEIRA-RIO teve a oportunidade de experimentar dois sabores que vêm aumentando o número de clientes diariamente na loja. Um deles é a coxinha de costela bovina, e a outra, de carne de avestruz (a carne exótica do mês). A costela é uma carne macia, de fácil mastigação e a de avestruz lembra muito a textura de uma carne de boi moida, mas também é de fácil mastigação e com um gosto de defumado. Todas acompanhadas de mostarda escura e dos molhos de pimenta gourmet de laranja e pimentas brasileiras (uma das mais picantes) e defumada (moderadamente picante), que realçam o sabor das duas coxinhas.

A loja trabalha com mais de 30 sabores de coxinhas, sendo que além dos recheios salgados, também faz sucesso com as coxinhas de recheios doces, de Nutella ou de outros tipos de chocolate.

O horário de funcionamento do local é de segunda a sexta, das 9h às 21h, e aos sábados, das 9h às 15h.

Você pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O limite de tempo está esgotado. Recarregue CAPTCHA.