26062017

Festa de aniversário da Cidade Alegria adiada por falta de iluminação

Tamanho do texto »

Representantes da Amcha reclamam de demora em liberação da iluminação em festa

Desde o ano de 2013, quando completou 30 anos de criação, o bairro Cidade Alegria ganhou uma comemoração de aniversário à altura de sua história e do crescimento que a comunidade experimentou  nos últimos anos. E desde então, a festa se tornou tradicional na comunidade e passou a fazer parte do calendário de festividades municipais.

Só que neste ano, os organizadores do evento estão encontrando dificuldades para realizar a festa de aniversário do bairro. A festa, que aconteceria entre 5 e 7 de maio, teve de ser adiada para junho, entre os dias 15 e 18. Mais uma vez o evento foi adiado, dessa vez para o final de julho. O motivo é o mesmo: a falta da iluminação, que é cedida aos eventos pela Prefeitura de Resende.

– Nas edições anteriores, eles  sempre cederam a iluminação para nós, mas este ano isso não aconteceu. Sempre que entro em  contato, eles dizem que ficam arrumando, mas só enrolam, e o  impasse permanece há três meses, nos obrigando a adiar o evento – responde o presidente da  Amcha, Edu de Almeida Fortes.

Eles se  queixam que este é único empecilho para que a festa se realize. “Já demos entrada em março com os documentos na Prefeitura, em todos os setores necessários para a realização da nossa festa, fomos atendidos por todos. Fomos liberados para fazer o evento, mas chegou na vez de pedir a iluminação e não conseguimos até agora. Se o motivo pra isso fosse crise, tudo bem. Mas o problema é que as outras festas da cidade foram atendidas, da Festa do Peão (de Mauá) até a Festa dos Mineiros (da Vila Julieta) e o Fogueirão (do Paraíso). Por que não a nossa?”, reclama o vice, Júlio César Gomes.

Festa teve atrações musicais da região e atraiu um grande público no bairro no primeiro ano

Edu explica que tem sentido a atual administração municipal muito distante da comunidade. “Sempre tivemos um relacionamento muito bom com as autoridades, tanto o prefeito quanto o secretariado, porém dessa vez não está sendo a mesma coisa. E o pior é que temos demandas muito grandes devido ao tamanho do nosso bairro”.

Em sua primeira realização, a festa era comemorativa dos 30 anos de criação do bairro. Na ocasião, os representantes estimam que mais de 15 mil pessoas da comunidade participaram do evento, realizado durante três dias naquele ano. Este ano, a festa acontecerá – se novamente não for adiada – entre os dias 27 e 30 de julho, na Avenida Perimetral Norte, próximo ao Ginásio.

A equipe do jornal BEIRA-RIO entrou em contato com a Prefeitura  de Resende, que até o momento não se pronunciou sobre o assunto.

Foto de capa: Reprodução da Internet

 

Deixe um comentário

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.