22072017

Feriado e estrada: atenção redobrada

Tamanho do texto »

35275273859

Imagem mostra acidente envolvendo um caminhão e dois carros no feriado de Carnaval na BR-376, em Ponta Grossa, com 6 pessoas mortas, em 2014.

Neste feriado prolongado de Páscoa — que começa sexta-feira dia 14 — muitos pretendem aproveitar esse tempo para o tão aguardado descanso merecido após trabalhar incessantemente a semana, o mês inteiro, muitos com intenção de viajar e curtir com a família e amigos, entretanto, vale lembrar dos cuidados no trânsito, principalmente neste período, já que ninguém quer que as festividades e momentos de laser se tornem situações de medo e desespero, com a ocorrência de acidentes em meio ao percurso.

É necessário para tanto cautela e paciência para enfrentar o movimento intenso das estradas e evitar tragédias. Durante os quatro dias da Operação Semana Santa do ano passado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) estimou uma frota superior a 91 milhões de veículos em circulação e, embora o balanço do órgão tenha sido de 1.274 acidentes nas rodovias federais na ocasião, o índice de óbitos e o de ocorrências graves foram reduzidos, respectivamente, em 18% e 44%, em comparação à mesma data do ano anterior, 2015. As ultrapassagens indevidas corresponderam a 20,6% das infrações registradas na operação da PRF, enquanto 100 condutores foram presos por dirigirem sob efeito alcoólico e 68,5 mil veículos foram autuados por trafegar acima da velocidade permitida.

Luiz Gustavo Campos, diretor da Perkons, empresa atuante na gestão de trânsito, diz que a prudência do motorista permanece como a engrenagem crucial para diminuir esses episódios lamentáveis que ocorrem todos os dias, mas em especial tem-se um aumento em datas comemorativas devido ao elevado fluxo de veículos que entram em alta nas estradas de todo o país.

Nesse sentido, conter os altos índices de acidentes também é repensar a associação errônea entre trânsito e velocidade. “É uma mudança de cultura que só é possível, sobretudo, com um forte trabalho de educação na formação de cidadãos mais conscientes, cuidadosos e respeitosos perante as leis de trânsito, além de preservar a vida, bem tão precioso”, reforça Campos.

Fonte: Assessoria de Imprensa (Grupo Excom)

Foto: Diário do Cariri/Diario dos Campos

Deixe um comentário

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.